AP: Paramore fala sobre Hayley na capa da Cosmopolitan

A edição #282, em que o Paramore é capa, ainda está nas lojas – mas não por muito tempo! Não demore para comprar a sua cópia! Para um gosto do tipo de coisas que você verá na revista, confira essa parte não incluída na entrevista exclusiva, em que Hayley Williams discute sua capa da Cosmo e chegando a um acordo em ser “a garota no Paramore”, enquanto Taylor York e Jeremy Davis falam sobre o porquê que eles estão completamente bem em não ser o centro das atenções.

AP: Hayley, eu estava lendo alguns posts do blog do Paramore deste ano. Há um tema de renascimento em que você estava falando – como quando você estava discutindo como você estava na capa da Cosmo no início deste ano. Você estava dizendo coisas como: “Eu vou aceitar a minha função” dentro do Paramore.

Hayley Williams: Eu ainda penso sobre isso. Estar no Cosmo não é algo que eu estava tentando conseguir. Eu nunca estava pensando: “Eu quero ser uma garota da Cosmo.” Eu não sei se você me conhece, mas eu normalmente não me preocupo com coisas desse tipo, mesmo como uma garota, eu adoro revistas de moda, adoro produtos de beleza. Isso foi uma coisa estranha para mim, porque eu tinha que aceitar, como, “Cara. A revista Cosmo apenas veio a mim e eles estavam como, ‘Quer saber? Sua banda é demais, nós gostamos de você. Venha estar na nossa capa’. Que outra banda eles estão falando mesmo? Que não seja uma cantora pop como a Rihanna, as outras garotas na capa deste ano eram atrizes – Eu lembro que Olivia Wilde estava bem na minha frente. [Elas são] apenas lindas, mulheres bonitas e eu nunca vou me colocar na posição dessas mulheres. Não é como se eu tivesse grandes problemas comigo mesma, eu definitivamente sou como qualquer outra pessoa, eu sou auto-consciente o tempo todo, mas eu nunca vou me colocar em uma lista de mulheres. Mas a Cosmo fez isso.

Caramba! Eu ainda não aceito isso, e eu ainda não me sinto como isso fosse real, mas eu aceito que eu sou a garota no Paramore. E eu tenho que superar isso e parar de choramingar sobre o assunto. Porque nós estamos bem – nós não estávamos bem, e isso é provavelmente o que me fez ficar meio insegura de ser a vocalista. Mas estamos bem agora, e eu não tenho nada para provar a [meus colegas de banda], eles sabem que eu não estou tentando ser, tipo, [Gestos como ela chama a atenção] o tempo todo.

Aquilo (estar na Cosmo) foi gratificante, com certeza. Nunca mais vou usar aquelas roupas. [Risos.]

Jeremy Davis: Qualquer coisa [publicada] parece estar destacando ela na frente de todo mundo na banda, ela não é sempre assim. Mesmo que [Taylor e eu estamos] sentados – ou ninguém – estamos sentados lá, dizendo: “É importante fazer isso”. Até mesmo as revistas de música que estamos terá ela na capa e não toda a banda, mas o nome da banda está lá. Você tem que estar bem e estar confiante de ser capaz de fazer algo assim.

Taylor York: Isso é verdade. Eu acho que, provavelmente, desde o início da banda que todos nós tínhamos que pensar sobre as nossas próprias inseguranças. Agora estamos em um lugar onde eu e Jeremy… [Risos] Nós meio que nos sentimos mal, às vezes, porque nós gostamos quando ela recebe atenção, porque podemos ir a lugares e as pessoas não sabem realmente quem somos. Eu penso, “Oh, nós podemos ser normais!”. Mas ela é realmente boa em lidar com sua posição.

Nós tivemos que trabalhar com as inseguranças e nos tornar mais confiantes e perceber que a nossa identidade não está nesta banda, necessariamente. O número de pessoas que querem um autógrafo ou a quantidade de fotos que temos – essa não é a nossa identidade. Nós apenas amamos tocar música e estar na banda. Nós percebemos que – sabe, se a Hayley quer fazer essa foto sozinha e não estamos nela, bom, essa é uma roupa que não tenho que encontrar. [Todo mundo ri] Você apenas tem que olhar para os aspectos positivos.

Mas nós não ligamos mesmo. As pessoas sempre acham que eu e Jeremy somos super ignorantes, nós simplesmente odiamos que ela recebe essa atenção…

Hayley Williams: Yeah, essa sempre foi a história.

Taylor York: Isso nunca foi o caso. Não é importante para nós.

Fonte

Publicado em 18 de dezembro de 2011, em Traduções e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: